Educação para a Cultura e para a Criatividade
Sessão
À conversa com o jornalista Luís Miguel Loureiro
07 Fevereiro 2013
Entidade
Promotora
Associação Porto Digital
Orientação
Luís Miguel Loureiro


Hoje recebemos uma visita especial. O jornalista da RTP Luís Miguel Loureiro veio à escola falar connosco sobre o seu percurso e a sua profissão que, segundo ele, tem tanto de exigente como de apaixonante.

Licenciou-se em Bioquímica, mas a paixão pelo jornalismo já estava há muito descoberta. Aos 12 anos criou sozinho um jornal e a sua primeira reportagem foi sobre os escuteiros. Os seus leitores? Os colegas de escola e os amigos!
Aqui começou uma vida dedicada a contar histórias. Histórias verdadeiras, sobre pessoas, acontecimentos, sobre a realidade e as realidades que marcam o país e o mundo em que vivemos.

Por isso o jornalismo é uma atividade profissional tão difícil e tão exigente. É feito por pessoas e para pessoas e consiste na busca da verdade. E nem sempre é fácil encontrá-la. Mas, ainda assim, o Luís não trocaria a sua profissão por nenhuma outra. Ao longo destes anos a trabalhar em informação, investigou, conheceu, conversou, apurou verdades, desvendou histórias. Reportou uma guerra a partir de Beirut - Líbano (o Luís até desenhou um mapa no quadro para sabermos onde fica este país!), mostrou-nos os danos causados pelo tsunami a partir da Tailândia e descobriu verdadeiros furos! Sabem o que é um furo? É uma informação exclusiva detida por um jornalista ou por um órgão de comunicação social.

Um convidado tão especial, com tanto para contar, tantos conhecimentos e experiências para partilhar não merecia menos do que uma conferência de imprensa. Foi isso mesmo que fizemos. O jornalista passou ao lugar de entrevistado e nós assumimos o lugar de jornalistas, de fotógrafos e de repórteres de imagem.

Esta sessão foi verdadeiramente inspiradora! Querem ver a conferência de imprensa? Vejam em breve os vídeos!

< LISTA DE ACTIVIDADES