Educação para a Cultura e para a Criatividade
Sessão
Na escola - Identidade e pensamento dão novo alento
04 Maio 2011
Entidade
Promotora
Associação Porto Digital
Orientação
Manuela Carneiro
Marlene Rocha


"Da discussão nasce a luz".
Com todas as cabeças a pensar, a algum lado havemos de chegar!

A necessidade de direcionar as tarefas levou a que, nesta sessão, nos dividíssemos em dois grupos de trabalho: com a Marlene ficaram os que estavam a desenvolver os "treze a rir uns dos outros"; já o grupo da "menina nua" e o seu escultor Henrique Moreira, mais o "D. Pedro IV" e o seu cavalo, juntaram-se à Manuela.

Começando com os treze, sentados no chão à volta da Marlene: relembrámos a escultura a trabalhar, a sua localização, de que material é feita e quais as diversas posições que os personagens que a constituem assumem. Primeiro recorrendo à memória e depois visualizando fotografias, logo percebemos que teriamos que dividir os treze em quatro grupos.

As personagens são parte constituinte da identidade humana pelo que é necessário criar vínculos.
Ao atribuirmos um nome a cada uma delas, estabelecemos relações entre as nossas experiências e o que estamos a trabalhar.
Personagens de uma história por nós criada, somos autores e personagens ao mesmo tempo!

E como ser uma estátua viva? Que postura adotar?
Com muita paciência e auto-controle, lá tentámos reproduzir as posições.

Do outro lado da sala, acontecia uma "tempestade cerebral"... Como caraterizar o D. Pedro IV? Quais os seus acessórios e como os executar? E o seu cavalo, arranjamos um de verdade ou vamos fazê-lo em cartão? E quem o desenha?

Também a "menina nua" e o seu escultor deram muito que fazer!

Foi um dia para debater, pensar, discutir e ver as ideias a surgir.

< LISTA DE ACTIVIDADES